terça-feira, 30 de agosto de 2011

Pairam a tua volta todas as cores...
    ...colorido de revolta em plumas, pétalas, fitas, bolas de sabão...
 Resquícios soltos de lembranças do que ainda a pouco era tão bom.
  Afagos, vento ao rosto, corpo embalado ao ar...
                              ...todo lume que se pôde emanar.
  O melhor som, o mais delicioso gosto do querer...
                                        Dentes, carne, língua...
                                                   ...febre, febre, febre.
Teus sonhos pairam em volta de todas as cores.
   Se lembras das maravilhas que provaste...
       ...enquanto tua vida cortava a imensidão com afã de chão.
  Se agora sentes sal, dor, amargo...
                                       Observe os projeteis por todos os lados.
        ...guarda todos os tons no fundo dos teus olhos...
                  Enche teu peito de todo o ar...
                                 Se atire do próximo precipício.      
       

12 Elogie, critique, escrache...:

Bia Ferreira disse...

é.. a gente tinha ficado de pular né... rs

Nayara Borato disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog Alma de poesia. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs





Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.



Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

http://narroterapia.blogspot.com/

J. Ríos disse...

Augusto, que riqueza é este teu espaço.Sinceramente me perdi entre teus escritos...Agradeço imensamente a visita e, claro, te espero mais vezes por lá!

Abraços e ótima semana!

psrecuerdame.blogspot.com

Pelos caminhos da vida. disse...

Vim agradecer a sua visita, obrigado Augusto.

Um belo espaço o seu...

Uma boa semana pra vc.

beijooo.

Luna Sanchez disse...

Febril : meu status atual e por tempo indeterminado.

=*

Canto da Boca disse...

Senti um quê de solidão nesse poema... As bolas de sabão como a metáfora da fragilidade nas relações humanas.
Belo texto!

;)

Obrigada pela ida ao Canto, ainda estou pensando sobre a pergunta que me fizeste.

Canteiro Pessoal disse...

Augusto, é tão presente o guardar dos tons nos olhos. O fundo que tanto representa e, explica os estágios e estado X que nos encontramos. Precipícios diários que nos rondeia. E com vários formados, aos quais precisamos resignificá-los; dá-los um sentido multi em aprendizagem (amadurecimento).


Abraços

Priscila Cáliga

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Augusto
Tenho pensado muito nesse lance do amor, do fim do amor e afinal, no fim de quase tudo dessa vida.
Gostei demais do teu poema, onde a dor de uma tempo futuro, faz parte das alegrias do vivido.
Vmaos meu amigo, te acompanho no próximo precipício.

BlueShell disse...

Vim...e devagar ...te descobri...
Que bom
BJ

。♥ Smareis ♥。 disse...

Esse é um bom precipício pra pular.Desejo uma ótima semana, cheia de muitas energias positivas, muita paz e muita luz sempre na tua vida. Beijos grande!

Smareis

BlueShell disse...

belíssimo texto. forte!
grata pela tua visita. Beijo português.

A Dd disse...

"As the New Year is fresh in mind, the dominant question in mind of everyone is, “How will you make 2015 a great year?”
(\__/)
(='.'=)
(")_(")

_________________
Buy Archeage Gold
RS3 Gold
RS Gold

Postar um comentário

manda ver que eu vejo

 

Copyright 2010 Tudo de mim.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.